Programação da Festa da Padroeira

Quem mora em Lençóis Paulista e região já aguarda o mês de setembro com alegria, afinal é o mês da tradicional festa da padroeira.
A tradicional quermesse da Festa da Padroeira realizada no Santuário Nossa Senhora da Piedade acontece este ano entre os dias 6 e 18, na Praça Comendador José Zillo (Concha Acústica).

PROGRAMAÇÃO RELIGIOSA

Na próxima quinta-feira (1º), os fiéis já dão início à programação religiosa com o primeiro dia da oração das 15 mil Ave Marias, que se estende até o dia 15, com vigílias todos os dias em dois horários (das 8h às 11h e das 13h às 16h), e com o primeiro dia da Semana Missionária, que vai até o dia 7.

As celebrações continuam no sábado (3), a partir das 10h, e no domingo (4), a partir das 10h30, com as procissões motorizada e aérea, respectivamente. Dentro da parte religiosa também serão celebradas a missa dos enfermos e idosos, no sábado (10), a partir das 15h, e a missa italiana, no sábado (17), a partir das 19h30. Na quinta-feira (15), Dia de Nossa Senhora da Piedade, tem missa solene em louvou à padroeira e Procissão das Flores, a partir das 17h. Durante os dias de festa também serão celebradas missas em três horários aos domingos: às 9h30, 18h30 e 20h.

A FESTA

A parte festiva tem início com o show de prêmios marcado para as 20h de sexta-feira (2), no Lions Clube. A tradicional quermesse será realizada nos dias 6, 7, 9, 10, 11, 14, 15, 16, 17 e 18, na Concha Acústica, com barracas de comidas e bebidas e apresentações de artistas e grupos locais. Também estão programados o desfile de animais pet, marcado para quarta-feira (7), a partir das 10h, na Concha Acústica; e o almoço mineiro, que será servido no domingo (11), a partir das 12h, no salão de festas do Santuário (com serviço de delivery).

CICLISMO
A programação ainda prevê a realização de dois passeios ciclísticos no domingo (11): o Pedalando com Nossa Senhora, que partirá do Santuário às 10h30 e percorrerá as ruas da cidade; e o 2º Bike Peitá entre Igaraçu do Tietê e Lençóis com trajeto pelo curso dos riso Tietê e Lençóis.

Fonte: Jornal o Eco.

Deixe uma resposta